Empréstimo bate recorde na pandemia: como evitar o endividamento?

Diante da pandemia causada pelo novo coronavírus, a situação econômica se agravou para muitas famílias e motivou a busca por crédito no mercado. É por isso que o empréstimo na pandemia aumentou 113%, em comparação ao volume de outros anos.

No entanto, uma situação de crise como essa exige atenção tanto de pessoas físicas quanto jurídicas. É preciso estar preparado para superar adversidades e manter as contas em dia.

Por isso, neste artigo você poderá descobrirá como anda a situação financeira das famílias e aprenderá a evitar o endividamento. Confira!

Como anda a situação do empréstimo na pandemia?

Em 2020, mais de 50% dos brasileiros pediram um empréstimo pessoal para quitar dívidas atrasadas ou pendentes. Com a suspensão ou redução dos salários, muitos encontraram no crédito uma solução para atender seus compromissos financeiros.

O empréstimo bancário atingiu um volume de mais de R$ 4 trilhões — sendo a maior alta em 30 anos. Além disso, foi aprovada uma ampliação da margem consignável para empréstimos do tipo. De 35%, o valor a ser comprometido passou a ser de 40%.

O agravamento da pandemia e da situação econômica acabou levando o endividamento das famílias a níveis recordes. Em novembro de 2020, as dívidas alcançaram 51% da renda acumulada pelas famílias nos 12 meses anteriores. Assim, os dados são alarmantes.

Como evitar o endividamento?

Apesar dos dados de empréstimo na pandemia, é sim possível melhorar sua estrutura financeira e fugir do endividamento.

Confira dicas para isso!

Elabore um planejamento financeiro

O controle financeiro é um passo essencial para manter as contas em dia, sem débitos que causem problemas. Portanto, crie um planejamento financeiro que parta das suas possibilidades e limitações. Isso vale tanto para empresas quanto para famílias.

Cuide da organização das finanças

Depois de se planejar, com seus objetivos e metas, procure compor um orçamento completo. Ele deve prever a distribuição dos seus recursos para otimizar o uso do dinheiro, sem gastar mais do que existe disponível.

É fundamental ter acompanhamento, controle e registro desse orçamento. Quanto mais informações forem coletadas sobre as finanças, mais fácil será tomar boas decisões e evitar dívidas.

Crie uma reserva financeira

Imprevistos podem acontecer, exatamente como foi o cenário da pandemia. Logo, é importante que seu planejamento financeiro contemple isso. O ideal é montar uma reserva financeira — chamada de reserva de emergência para as pessoas e de capital de giro para empresas.

Tente manter a saúde financeira

Não há segredos para sair das dívidas ou evitar o endividamento. É preciso ter disciplina financeira e se preparar para dificuldades. Assim, você poderá enfrentar problemas sem recorrer ao crédito ou atrasar suas contas.

Para isso, busque sempre educação financeira para manter a saúde das suas finanças em dia. Caso você precise quitar dívidas agora, considere fontes de renda extra até se organizar melhor. Depois, lembre-se de manter hábitos positivos e uma reserva de patrimônio.

Como você viu, os pedidos de empréstimo na pandemia cresceram substancialmente, o que aumentou o endividamento das famílias. Para proteger as finanças pessoais ou empresariais, vale a pena colocar essas dicas em prática, mantendo o orçamento sempre em ordem!

Quer um presente para te ajudar a manter o controle dos gastos?

Para aqueles que apresentam conhecimentos das funcionalidades do Excel e podem dedicar mais tempo para controlar as finanças. vou presentea-los com uma super PLANILHA DE CONTROLE DE GASTOS desenvolvida em parceria com o IDEC – Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor, onde incluem funções matemáticas, gráficos e projeções que permitem uma análise mais apurada do orçamento pessoal, nela você irá administrar com mais clareza sua renda mensal, controlar suas despesas com mais facilidade, evitar gastar mais dinheiro do que você ganha e planejar as prioridades dos seus gastos. Clique neste link e faça download gratuito.

E ai! O que você tem feito para cuidar bem da sua vida financeira? Conte nos comentários e compartilhe suas experiências!


Janaina Macedo Calvo

Janaina Macedo Calvo é FOUNDER da Martinez e Calvo Palestras, Treinamentos e Finanças, empresa prestadora de serviços na área de negócios e economia global, em forma de palestras, treinamentos e consultorias. A empresa tem como missão assessorar clientes a antever tendências globais e brasileiras, por setores e maximizar oportunidades. Doutoranda em Administração Pública e Sustentabilidade pela UNICAMP, Mestre em Controladoria pelo Mackenzie, economista formada pela FAAP, contabilista formada pelo Osvaldo Cruz com MBA Executivo pela BBS – Brasilian Business School (módulo internacional realizado em Luanda – Angola), Janaina atuou no setor público, como Conselheira de Emprego e Renda do Estado de São Paulo e Conselheira do Banco do Povo (baseado na experiência do Grameen Bank).
Na área executiva, atuou como Gerente de Pessoal e Finanças do Conselho
Regional de Engenharia e Agronomia – Crea/SP, o maior Conselho de
Fiscalização de Exercício Profissional da América Latina. Palestrante na área financeira e motivacional, autora do Blog Café&Finanças, colunista em finanças da revista Crea-online e desenvolvedora do Treinamento Batalha da Mente Finanças Investimento e Mindset , Preparação Financeira para Investimentos. Educação Financeira para Empreendedores, Soft Skills- Desenvolvendo Competências de Sucesso e do curso Relato Integrado Para Entidades Públicas.

Gostou do artigo? Compartilhe:

Compartilhe com:


Comments

Leave us a Message