Como começar a fazer investimentos financeiros

Começar a investir alguma quantia financeira é uma necessidade para qualquer pessoa que entendeu, em algum momento, que precisa cuidar de sua saúde financeira.

Como sempre venho falando, investimentos e finanças não são uma questão puramente técnica. É importante cuidar também de sua mentalidade, sua forma de pensamento, e seu comportamento.

Este artigo não trata sobre fontes de renda ou termos técnicos sobre investimentos.
Este artigo trata sobre comportamento, mentalidade, hábitos e metas!

“Pague a si mesmo primeiro”

– Robert T. Kyiosaki

EM QUE NÍVEL FINANCEIRO VOCÊ ESTÁ?
O primeiro passo, acredito que para iniciar qualquer novo projeto ou busca por um objetivo, é definir em que nível estamos!
Identificar em que nível você financeiro você está, é muito importante para definir os próximos passos.
Qual é a sua renda hoje? Você já investe ou guarda alguma quantia financeira periodicamente? Você tem dívidas?

Quais são seus custos fixos mensais?

Você sabe que finanças é mais sobre hábitos do que sobre dinheiro, certo?
Torne essa informação real. Você pode até mesmo ter um caderno em mãos, onde você irá registrar tudo o que for relacionado às suas finanças.
Anote seu nível financeiro atual. Quanto você ganha, o quanto investe, e o quanto já tem investido. Mesmo que seja zero.

EM QUE NÍVEL FINANCEIRO VOCÊ QUER CHEGAR?
Sabendo o patamar em que você se encontra, é interessante colocar em mente onde você quer chegar. Você pode ter uma meta “macro”, que se refere ao topo, aquela meta de longo prazo!
Você poderia, por exemplo, definir o quanto pretende investir por mês em cinco anos. OU, qual patrimônio pretende ter nos seus 40, 50, 60 anos.

Quando falamos em metas, falamos em OBJETIVOS e PRAZOS.
Defina metas realistas para seus investimentos.
Lembra do passo onde você definiu seu nível financeiro atual? Aqui ele se faz importante! Pois é com base nesta informação que você define as suas metas!
É interessante treinar sua mente para entender que você está construindo um hábito de investimentos. Mas não tente investir valores que você sabe que não conseguirá fazer.
Tenha bem claras informações como:
• Despesas fixas (contas básica, custos com conta de telefonia, internet, e outros)
• Despesas variáveis (alimentação, combustível, médicos, pedágios e outros)
• Dívidas que precisa sanar
• Outras informações

SE ENVOLVA COM PESSOAS COM MENTE RICA

Existe um poder muito grande na força do grupo. As pessoas que nos envolvemos e temos relacionamento, nos influenciam sempre! Direta ou indiretamente!

E quando falo em mente rica, não estou falando necessariamente sobre riquezas e dinheiro. Isso é consequência!

Estou falando sobre uma mente próspera. Sobre uma mentalidade que busca soluções para os problemas.

Sobre aquelas pessoas positivas, que quando você erra, elas te colocam pra cima, ao invés de criticar os seus erros.

Uma mente rica se adquire com treinamento, com prática, com construção de hábitos, e com ação!

DÊ O PRIMEIRO PASSO

Bom, tendo todas essas informações em mãos, não tem segredos: Comece!
Comece a investir. Pegue suas metas, e comece a sua jornada. Coloque em sua rotina a leitura de livros sobre finanças e mentalidade.
Com o tempo, os investimentos tornam-se um hábito! E investir se tornará tão fácil quanto escovar os dentes, rs

CONCLUSÃO

Entenda o nível financeiro em que está! Trace metas realistas, defina seus propósitos, e mãos à obra! Comece a investir e dê a si mesmo o luxo de ter uma vida próspera, construindo hábitos de sucesso!

Bjocas cacrinhosas!!!

Janaina

Compartilhe com:


Artigos Relacionados

Leave us a Message